13/08/2018

Virei vegetariana! Entendendo os porquês.


Bom dia/Boa tarde/Boa noite! Resolvi trazer meu primeiro post sobre lifestyle ( quem sabe da certo esse tipo de conteúdo por aqui, ein? ) e hoje quis falar sobre vegetarianismo. Não só o que é, mas também o porque eu deixei de consumir qualquer tipo de carne "do dia para a noite".

Sem enrolação, vamos lá!

Muita gente acaba entrando nesse estilo de vida por conta de algum video ou documentário que viu a respeito os maus tratos animais e assuntos relacionados. Comigo foi diferente, sempre tive essa vontade e a carne nunca teve um lugar especial no meu prato, porém sempre fui apaixonada em hambúrguer então pensava que "não ia rolar".

Dias vem e dias vão, cada vez mais eu me sentia incomodada consumindo carne, ainda que não tivesse mudado nada em minha rotina em relação a isso. Entrei na faculdade, onde encontrei algumas pessoas veganas ( só amor por elas ) e me senti motivada, pensei: é agora ou nunca!

Sim, do dia para noite não consumia mais ( o que não recomendo, é mais fácil ir tirando a carne aos poucos da sua alimentação, não seja radical haha ). Fui procurando receitas daqui, lendo sobre a área nutricional ali e hoje já fazem mais ou menos seis meses!

Você não sente falta da carne?

Não! É até estranho responder isso, mas me sinto mais feliz agora que não consumo carne, como se cada refeição fosse um pontinho a mais para os animaizinhos.

Qual foi sua maior dificuldade?

Sem pensar duas vezes foi em relação a comer fora de casa. Moro no interior de São Paulo, então aqui não tem tanta variedades quanto SP, e eu sou uma pessoa que ama sair no fim de semana para comer e não ver nada sem carne em cardápios foi algo que me deixou bem chateada no ínicio, mas que agora já não é um problema.

Qual sua relação com pessoas que comem carne?

Normal! Sempre me perguntam "mas seu namorado come carne, ele que cozinha?", gente de jeito nenhum! Quando ele vai cozinhar, ele faz comida especial para mim e quando vou cozinhar faço carne para ele, normal. Claro que eu não curto muito fazer carne, então sempre tento trazer aquele prato vegetariano todo elaborado e acreditem: ele já até disse que a comida vegetariana costuma ser melhor. Ainda assim, ele consome sim carne, mas diminuímos o consumo para que ele faça a parte dele também.

Meu relacionamento com minha família também é super de boa! Vou em churrasco que eles fazem e levo meus pratos para fazer junto deles. É até divertido ver o pessoal provando ( uns amando e outros fazendo caretas haha ).  E outra: não me importo se, por exemplo, tiver só estrogonofe de carne, eu tiro a carne e como o molho!

É caro ser vegetariana?

Nossa alimentação tem bastante verde escuro e castanhas, avaliando o que gastava com carne, é praticamente o mesmo preço, porém é uma alimentação para quem gosta de cozinhar, nem sempre os pratos são tão simples. E sem dúvidas comer fora sendo vegetariana - nem sempre - é caro sim, talvez por ser algo "incomum" na cidade onde moro.

Fonte da imagem: google

08/08/2018

Pintando o cabelo com anelina


Oie oie! Hoje resolvi trazer minha primeira experiência com anelina, que foi uma das últimas vezes que pintei meu cabelo. Normalmente uso tonalizante, mas a maioria dos que usei verde acabava ficando mais azulado do que eu gostaria que ficasse, então fiz umas pesquisinhas e lá fui eu pintar com tinta de madeira haha!

Você vai precisar de:

anelina ( na cor desejada )
um pouco de água
creme de cabelo ( pode ser sua máscara favorita )

Como eu fiz:

Fui misturando o pó da anelina, só um pouco dele, com o minimo de água possivel até diluir bem. Em seguida, peguei esse liquido e misturei bem com o creme, vi se chegou na cor que queria. Caso não chegue, faça o mesmo processo de acrescentar anelina diluída. Muitos usam álcool para diluir ela, mas eu preferi usar do jeito mais "natural" possível, para não detonar meu cabelo e por conta do meu medo de nunca ter usado esse método. 

O que achei?

Pelo o que pude reparar, a cor dura mais no cabelo, no entanto, quando desbota é desigual. Um pedaço fica totalmente verde e o outro loiríssimo, então não da pra curtir o cabelo desbotado, fica muito manchado. 

Estraga como dizem? 

O meu cabelo não fez diferença, foi a mesma coisa que ter passado um tonalizante mesmo, a única diferença que senti foi realmente na duração, no modo de desbotar e na paleta de cores né, que você pode criar uma infinidade com anelina. Sim, você também pode criar com tonalizantes, mas eu achei mais fácil o manuseio ( por incrível que pareça ).

Vale lembrar que cada cabelo reage de um jeito, então faça um teste de mecha e tire suas conclusões. Claro que o produto não é feito para cabelos, portanto não é recomendado. 


Fonte da imagem: google

01/08/2018

Molhados por café (Copyright ©)


Já é tarde. Não, melhor, já é noite. Está escuro, o clima está gostoso, fresquinho, mas algo falta... um café? Nos arrumamos depressa, amanhã será um longo dia, não podemos demorar muito lá - ainda que saibamos que é quase impossível não enrolar num lugar tão aconchegante. Alguns trocados, aquela minha velha bolsa marrom, que até já sabe andar sozinha de tanto que anda comigo, chinelo mesmo, esqueci de trazer outro sapato.

Alguns minutos de caminhada, finalmente chegamos!

Ah... a pior parte é escolher o que pedir. Cappuccino, expresso, gelado, quente, com nutella, sem nutella, doce, sem açúcar. Pra você foi fácil, já estava com vontade daquele seu café com chocolate belga, mas eu não, eu gosto de experimentar o novo, o que nunca vi parecido. O nome, bem o nome desse me chamou a atenção, tanto que ficou com vergonha e eu mesma tive que pedir. E olha só! Esse café era minha cara assim como o nome.

Chove lá fora, o que é surpresa pra mim, nem imaginei que fosse acontecer. Encaramos a chuva, sem medo, com frio, mas rindo - de nervoso - como uma criança. Foi tão divertido chegar no restaurante todo encharcado, seu cabelo estava escorrendo água fria da chuva, nem mesmo parecia que havíamos tomado um café quentinho há alguns minutos atrás. A nossa sorte de verdade? Bem... não sei se foi a chuva ter parado quando saímos do restaurante ou termos um ao outro.

Fonte da imagem: google